Filtragem de Perfume à Frio


PERFUME.jpg

Nos processos de fabricação de perfumes em que as essências são compostas por vários elementos naturais tais como: flores, folhas, caules, frutos, sementes, madeiras, etc., esses componentes acabam deixando micropartículas suspensas no produto podendo ocasionar um aspecto visual menos atraente ao consumidor por causa da turbidez do perfume dentro do frasco.
Mesmos nos processos que se utilizam a maior parte das essências sintéticas, o perfume também pode ficar turvo pela liberação de carbonato de cálcio (CaCO3) comumente encontrado em água proveniente de poços artesianos, etc., a recomendação é que seja utilizada água deionizada que também ajuda a diminuir a agressão alcoólica, cuidados básicos estes nem sempre seguidos por todos os fabricantes.




A intensificação da fragrância através da maceração é uma etapa muito importante na fabricação de diversos perfumes (Eau de Parfum, Eau de toilette, Eau de Cologne, etc.), nesta fase se busca a eliminação do odor do álcool, realçar a fragrância no produto final, aumentar o tempo de fixação do perfume, etc.
A maceração é o tempo em que a essência e a base, feita de álcool especial e outros componentes, ficam descansando, até formarem um único elemento. Quanto maior for o tempo de maceração, maior será a fixação deste perfume na pele do usuário.
Das essências ou óleos essenciais utilizados na produção do perfume desprendem-se notas importantes que compõem a fragrância. Portanto, durante certo período, que vai muito além da data em que a essência foi produzida, a dispersão aromática continua a ocorrer.
perfume-tray.jpg

DSC08112_-_SITE.jpg

Embora de grande importância para a qualidade do perfume final, a etapa de maceração acaba sendo custosa e demorada e, muitos fabricantes deixam de fazê-la com consequente queda da qualidade de seus produtos.
Uma forma econômica de melhorar a qualidade do perfume com um baixo custo é a filtragem a frio, pois o resfriamento antes da filtragem acelera o processo de maceração já que várias substâncias essenciais tem uma solubilidade maior em baixas temperaturas, facilitando desta forma a retirada dos elementos indesejáveis que comprometem o aspecto visual do produto.
O sistema de filtragem a frio resfria o perfume para então circulá-lo através de elemento filtrante descartável adequado montado em um recipiente de aço inoxidável de fácil acesso para substituição, em seguida o perfume é aquecido através de um trocador de calor a placas totalmente sanitário, evitando desta forma, qualquer contaminação que prejudique o produto final.
Visando um consumo de energia elétrica reduzido, este sistema de filtragem a frio é dotado de um recuperador de temperatura, diminuindo a necessidade de um equipamento de refrigeração de grande capacidade nas grandes vazões.
Desta forma os fabricantes de perfumes podem aprimorar em muito a qualidade de seus produtos com um baixo custo e em vários casos, aumentar a capacidade de produção pela redução do tempo total de maceração.